NOTÍCIAS

Como fazer ligação direta em um carro


Imagine a seguinte cena: Você está fugindo de um lugar infestado de zumbis (ou qualquer outro perigo) e encontra um carro. Ao verificar o mesmo nota que este está sem a chave. E agora, o que fazer? a solução mais direta neste caso seria realizar uma ligação direta.
Para quem não sabe, ligação direta é o ato de ligar os fios do console do carro com o propósito de dar a partida no mesmo (ligar os sistemas do carro e o dar a partida no motor).
Aprenda como fazer isso neste artigo.

ATENÇÃO! Não vá fazer besteiras! O Sobrevivendo disponibiliza artigos apenas com caráter informativo, para que se necessário você leitor saia de alguma situação de perigo ou emergência. Não nos responsabilizamos pela má utilização dessas informações!

clique na imagem para ampliar
Teoria

Basicamente, girar a chave na ignição do carro faz com que se feche um circuito elétrico onde são conectados a bateria do carro, os sistemas elétricos e o arranque do motor. Para carros mais velhos, ligar esses componentes entre si já garante que você poderá sair dirigindo em seguida. Para carros mais novos, consequentemente mais difíceis de serem ligados diretamente, ainda é preciso destravar a direção.

Note que o processo pode mudar em alguns pontos dependendo do modelo do carro. Por exemplo, os fios que deverão ser usados na ligação, podem mudar de grossura, cor e orientação, assim como a tampa inferior do painel pode ser aparafusada ou de encaixe. Se puder, confira esse tipo de detalhe no manual do carro (seja o manual de papel ou os scans que tem pela net que são fáceis de se encontrar).

Prática


Primeiro será preciso retirar a tampa plástica debaixo do painel (na coluna de direção). Você pode precisar desparafusar estas tampas ou apenas desencaixa-las dependendo do modelo do carro.

Então você verá alguns feixes de fios (provavelmente 3) e um deles deve estar orientado para a coluna de direção. neste feixe estão os fios do sistema elétrico, da bateria e do arranque. como eu disse acima, a cor e grossura destes fios varia de carro para carro. você pode tentar descobrir qual é qual com o manual do carro, chutar através da grossura ou verificar com um multimetro para se certificar sobre qual é o fio da bateria.

Descasque os 3 fios com cuidado (não é preciso corta-los). com outros três fios avulsos (de preferência com garras jacaré nas pontas) conecte cada um a um fio. Então conecte as pontas soltas dos fios ligados ao fio da bateria e do sistema elétrico. Se tudo está sendo feito certo, neste momento as luzes do painel e o rádio ligarão. Caso isso não ocorra você errou os fios, tente outros.

Tendo acertado os fios, sobrará a ponta do arranque, que é o que dá a partida no motor. apenas o encoste na ligação que você fez entre os outros dois fios (sistemas elétricos e bateria) para dar a partida. Pronto! para desligar o carro, basta então desconectar a ligação entre sistemas elétricos e bateria. Lembrando: o fio do arranque não deve ficar conectado! ele será apenas tocado no ligação entre os outros dois. Veja o processo inteiro no vídeo abaixo:

Carros mais novos ainda terão que ter a direção destravada. no vídeo acima o cara destrava o mesmo com uma chave na fenda acima do volante. isso, é claro, varia de carro para carro.



Conclusão

Embora não seja tão fácil, é um método interessante de se sair de um prego na rua ao se perder as chaves ou elas se quebrarem (e eu já quebrei sem querer as chaves de um colega na ignição no meio da madrugada, por isso garanto que isso é possível).

Este artigo foi sugerido pelo nosso leitor Matheus em nosso espaço de sugestões que pode ser acessado pelo botão ao lado (na direita da tela) sendo também a sugestão mais votada até agora. Se você que está lendo tiver alguma ideia bacana mande para nós!

7 comentários:

Matth 26 de março de 2012 13:34

Minha sugestão ;D

Anônimo 1 de maio de 2012 16:40

ker dizer q kebrou a chave "sem kerer" num carro de um "colega"??
Dentro do carro ainda??
Oq estavam fazendo d tãããnto esdrúxulo q a chave se kebrou??

Mandrake 2 de maio de 2012 01:18

Na época em que eu bebia (alcool) eu fui resgatado bêbado por este amigo, acordei no carro sem entender nada, ataquei ele, chutei o painel (quebrando a chave) e saltei fora do carro.

por esse tipo de coisa que eu recomendo as pessoas: não bebam, ou se forem beber façam com moderação.

Anônimo 7 de setembro de 2012 19:04

[Mandrake]"...ataquei ele, chutei o painel (quebrando a chave) e saltei fora do carro."


OMG! Mas no geral, boa matéria, bom site. Está sendo bem útil para minhas práticas. Estão ajudando muito! Valeu! Continua com o site assim! Ah, e será que dava pra postar algo tipo, como fazer escaladas, etc. Seria mais útil ainda! Bye :)

Anônimo 30 de abril de 2013 20:58

O problema não esta em fazer a ligação direta, mas sim em destravar o volante! Se n me engano a partir dos anos 80 todos os carros saíram de fabrica com trava no volante. Abraços

Mandrake o Profeta do Kaos 19 de maio de 2013 13:30

de fato, destravar o volante é bem mais complicado que a ligação direta em si. em alguns casos beira o impossível, de acordo com o modelo da trava.

Silas Martins 15 de fevereiro de 2014 12:00

Muito interessante, como você disse, não deve ser usado para atos de furto, mas para uma emergência, pois ninguém sabe o dia de amanhã ... vale a pena estar prevenido.

Postar um comentário